É a nossa realidade….

Infelizmente, nós não costumamos ficar emocionados quando retornamos após as férias para as tarefas da vida cotidiana, trabalho e obrigações diárias. Os psicólogos falam até mesmo em depressão pós-férias. Qualquer que seja o nome todo mundo sabe o que é a falta de humor, fadiga e irritabilidade, e, é claro – a relutância de voltar ao trabalho depois de uma folga. Como lidar com isso.

O estresse pós-férias é a reação natural do nosso corpo à necessidade de voltar a impor o rigor e a disciplina na realização das tarefas diárias. No trabalho estamos em um estado constante de alerta, agimos em “alta velocidade”. Durante as férias essa tensão naturalmente “se esvazia”, como o ar do pneu, relaxamos e descontraímos “Encher o pneu novamente” exige, por razões óbvias, esforço.

O fato de vermos ao nosso redor os primeiros sinais do outono e dias mais frios, menos luz solar, não melhora a autoestima.

O péssimo humor também pode ser devido ao fato de que as suas férias foram muito curtas e o corpo não descansou o suficiente.

Como lidar então com o retorno ao trabalho?

• Com o péssimo humor lutamos no momento em que vamos escolher o tipo de descanso. A regra geral é: “ir para onde quiser e fazer o que você realmente gosta. Então realmente irá descansar;

• Se possível, não venha trabalhar assim que chegar das ferias – tire um dia extra de folga ou voltar das férias na sexta-feira ou no sábado;

• No primeiro dia de trabalho cuide de algo que não exija tanta concentração como por exemplo, organizar papéis, agenda, leitura de e-mails de negócios;

• Tente nos primeiros dias de trabalho estabelecer uma lista das tarefas mais importantes e concentrar-se nelas;

• Após o trabalho aposte em atividades esportivas. Natação, ciclismo, corrida, caminhada, etc.;

• Tente planear logo a sua próxima viagem curta, por exemplo, já para o próximo fim de semana;

• Dê a si mesmo algum tempo – uma pessoa precisa de cerca de 3-4 dias para voltar à realidade!!

Partilhe no Facebook
This entry was posted in Saúde. Bookmark the permalink.

Comments are closed.